Palavras-chave de Marketing Digital para Iniciantes – Persona (Parte1)

O ponto de partida para definir a estratégia de marketing digital do seu produto/serviço é começar pelo seu público-alvo, ou Persona.  O uso de Personas pode fazer seu site, produto digital ou até mesmo sua loja/estabelecimento físico ser 20% a 50% mais efetivo no objetivo que você propuser. Por exemplo, emails personalizados e direcionados para Personas específicos podem melhorar a taxa de cliques (abertura do email) em 14% e em 10% a taxa de conversão desse lead em cliente. Percebeu mais uma palavra-chave aqui? Todas elas estão sempre muito ligadas.

Mas como você pode começar? Para definição da Persona, atributos simples devem ser considerados, como por exemplo: Profissão, faixa de idade, sexo, renda, estado e cidade e até mesmo, atividades comuns a pessoas de profissões ou estados diferentes. Por exemplo, a Maria é enfermeira, tem 35 anos, mulher, ganha até 8 salários mínimos e é de Florianópolis em Santa Catarina. Já o Roberto é músico, tem 29 anos, homem, ganha até 5 salários mínimos e é de Niterói, no Rio de Janeiro. Mas o que eles podem ter em comum? Ambos adoram praticar exercícios e praia. A Maria faz corrida na praia e o Roberto gosta de surfar. Para conseguirmos identificar essa particularidade em comum, precisamos também buscar um histórico de quais seriam os detalhes importantes pra mim, como empresa, que me ajudasse a chegar até a Maria e o Roberto. Se a minha empresa fosse de artigos esportivos, a peculiaridade desse histórico de atleta de ambos os nossos exemplos, iria me ajudar a oferecer meus produtos e serviços de uma maneira muito mais efetiva, direcionando meus esforços. Além disso, isso traz para a Persona em questão, uma sensação de “Humanização”, pois ele não se sentirá como mais um cliente. Entender quais são as maiores objeções que este cliente pode ter ao seu produto/serviço, além de identificar seus desejos é fundamental para você.

Entender as objeções e desejos? Como assim? Um exemplo simples é o João. Ele é péssimo na cozinha e gosta de chamar seus amigos para jantar em sua casa, porém ele sempre acaba pedindo comida. A maior objeção do João é que aprender a cozinhar é difícil e leva muito tempo. Você, como empresa, produz vídeo aulas de receitas simples, fáceis e rápidas de ser fazer sem precisar ser um chef na cozinha. Está vendo como as objeções do João foram “quebradas”? Receitas fáceis e rápidas vão ser os seus principais argumentos para oferecer seu produto ao João.

Então para definir uma Persona você deve evitar “achismos” e histórias fantasiosas. Pesquisas etnográficas, entrevistas e até o facebook podem te ajudar a encontrar pessoas interessadas no que você tem a oferecer. Se você já tem clientes, você pode entrevistá-los pessoalmente se for possível. Se você ainda não tem, existe ainda a possibilidade de realizar pesquisas online. Elas são um pouco mais impessoais porém já ajuda a começar. Uma boa dica, é usar a ferramenta do twitter para lançar perguntas específicas com alternativas para que seus seguidores possam responder.

Bom, então o maior objetivo do uso de Personas é entender quem é e qual o comportamento do seu cliente, para que você possa oferecer a ele, um conteúdo, serviço ou produto ainda mais adequado a suas necessidades

Em breve, vem a parte dois das palavras-chave do Marketing Digital aqui na Uebile.

Gostou do conteúdo? Não deixe de seguir a Uebile nas redes sociais, pois toda semana tem post novo aqui no blog com mais dicas para o seu impulso digital.