O que é funil de vendas? Como utilizar? #uebileJump

Funil de vendas é uma terminologia que indica um processo de vendas, segmentado em etapas que servirão de base para atuações e estratégias diferentes. Em uma busca rápida na internet, você vai encontrar diversos modelos de funil, com uma quantidade de etapas de 4 a 12. Mas qual é o melhor? Quanto mais etapas melhor né? Não há como afirmar qual é o melhor. Após identificar o que cada etapa contempla, você irá entender melhor quais as etapas cruciais para seu negócio.

Um funil de vendas, se concentra em 4 etapas básicas: Visitantes, Leads, Oportunidades e vendas.

Se você acompanhou a nossa série de posts de palavras-chave do marketing digital vai ficar ainda mais fácil para te explicarmos cada etapa. Na etapa Visitantes, você vai unir as palavras-chave PERSONAS e TRÁFEGO, pois você sabe quem é seu público alvo e conseguiu atraí-lo até você. Na próxima etapa, a palavra-chave e a etapa tem o mesmo nome: LEADS. Aqui você que acompanhou, sabe que Lead é aquele contato que fez você identificar quem era o visitante da sua página. Já na etapa de Oportunidades, através de algumas métricas feitas através da COMUNICAÇÃO, foi possível identificar quais dos meus Leads tem mais identificação com meu conteúdo, por exemplo, pela quantidade de emails abertos e cliques que direcionaram para seu site. Este Lead passa a ser considerado uma Oportunidade para efetivação de uma venda. Venda é nossa última etapa, nela a Oportunidade se tornou cliente e começa um novo estágio: manter e otimizar o relacionamento com esse cliente.

As etapas base, podem ser segmentadas em mais etapas. É por isso que podemos encontrar até 12 etapas em um funil de vendas. Por exemplo, você pode segmentar VISITANTES em Personas, trafego e atrair por exemplo. Mas a base da etapa é o visitante chegar até você. E assim, você consegue segmentar as demais etapas. Estes segmentos irão servir como gatilhos mentais para você identificar como é o pensamento do cliente em cada etapa. O mais importante é entender como seu negócio pode se adaptar as etapas base. A partir daí, você busca otimizar estas etapas de acordo com um melhor entendimento pra você e toda sua equipe.

Uma boa abordagem visual do funil, é dividi-lo em 3 partes (Dividir outra vez?? É eu sei…). Esta divisão é feita em Topo, meio e fim do funil. No topo o cliente ainda não descobriu uma necessidade específica que o motive a fazer uma nova compra. Já no meio do funil, este possível cliente tem a necessidade bem identificada e precisa encontrar uma solução. Na parte final do funil, é feita a avaliação das soluções encontradas de acordo com as condições e exigências do próprio cliente. Se você tiver equipes/setores na sua empresa onde o Marketing é separado das Vendas, você pode definir por exemplo, que no funil de vendas, a parte Topo e Meio são de responsabilidade do Marketing. Já a parte do Fim, a equipe de Vendas atuará diretamente.

O principal objetivo destas segmentações e do conceito de funil é ter uma percepção melhor de qual estágio de um processo de vendas, seu cliente esta. Isso é importante, para ter estratégias e abordagens específicas para cada estágio a fim de manter este cliente no funil até a concretização da venda. IMPORTANTE: Não tenha pressa!!! O tempo é um aliado que pode te ajudar a fidelizar o cliente através do conteúdo de valor que você produz.

Gostou do conteúdo? Não deixe de seguir a Uebile nas redes sociais, pois toda semana tem post novo aqui no blog com mais dicas para o seu impulso digital.